quarta-feira, 20 de outubro de 2010

Maceió é sede de campeonato de basquete em cadeira de rodas

Superação é a palavra de ordem que move os jogadores do Campeonato Brasileiro da terceira divisão de basquete em cadeira de rodas. Este ano a competição será sediada em Maceió e durante a abertura, na noite desta terça-feira (19), o público e as dez equipes participantes foram agraciadas com uma apresentação de balé clássico.

Foto: Gazetaweb
No evento promovido pela Confederação Brasileira de Basquetebol em cadeira de rodas realizado em parceria com Associação dos Deficientes Físicos de Alagoas (Adefal), cerca de 165 atletas de dez equipes vindas de todas as regiões do país disputam 27 partidas.


No campeonato passado, a equipe alagoana ficou em 5º lugar. Este ano, jogando em casa e com a força da torcida, o objetivo é maior. “Queremos subir para a 2ª divisão”, disse Ednardo Araújo, armador do time. Mas para conquistar o acesso a divisão superior é preciso se classificar entre os dois primeiros colocados da competição. “Temos que ganhar 3 partidas”, avaliou o armador.

Uma das regras que diferencia o basquete de cadeira de rodas é que cada jogador tem uma pontuação de acordo com a deficiência e a soma dos cinco em quadra deve ser de até 14 pontos. Ednardo tem poliomielite e sua deficiência equivale a 3,5 pontos.

Para encerrar a noite, a bailarina cadeirante Gabriela Amorim, de 13 anos, fez uma performance clássica com a professora Jeane Rocha. “Me realizado dançando. Amo fazer isso”, disse. Gabriela já está acostumada aparições em público. “Nem sinto mais o friozinho na barriga”, confessou a jovem que também dançará na reinauguração do Teatro Deodoro e participará do Festival Internacional de Dança, no Pará.

A competição vai até domingo, no ginásio do Sesi Cambona, em Bebedouro. Confira abaixo os jogos restantes:

Dia 21/10 - Quinta
10 09:00 B Ascamte “A” – Pi X Adc – Mg
10:30 A Adf – Pa X Add/Magic Wheels/Bic Banco – Sp
12:00 C Gaadin/Sme – Sp X Afadefi – Sc
13:30 Agembe All Star Rodas – Pa X Adm-Ceará – Ce C
15:00 B Adm-Gaivotas – Pe X Adc – Mg
16:30 A Addf “B” Cree/Sesi – Pe X Add/Magic Wheels/Bic Banco – Sp

Dia 22/10 – Sexta
09:00 X 2º 2 Col X 2º 3 Col
10:30 X 4º B X 4º C
12:00 X 3º 2 Col X 1º 3 Col
16:00 1º Col A X 2º Mit Semi Final
17:30 1º Col B X 1º Col C Semi Final

Dia 23/10 - Sábado
09:00 3º 3 Col X Perd 17 9° - 11°
10:30 Perd 16 X Perd 18 7° - 8°
16:00 3º 3 Col X Venc 17 9° - 11°
17:30 Venc 16 X Venc 18 5° - 6°

Dia 24/10 – Domingo
09:00 Perd 19 X Perd 20 3° - 4°
10:30 Venc 19 X Venc 20 1° - 2°


Fonte: gazetaweb.com

2 comentários:

  1. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  2. É impressionante termos a superação como fonte de inspiração, já que, nós ditos seres "normais" deveriamos ter a superação como aparelhamento social.
    Ações que evidenciam a adaptabilidade dos "deficientes" devem ser mais do que uma situação inusitada no cotidiano dos adequados. Merecem a percepção do real valor dos que dela participam, valor necessário para superarmos essa barreira invisivel, mas intransponível, entre o que acreditamos e o que fazemos.
    Acreditamos na adaptabilidade, mas nos surpreendemos quando ela ocorre... acreditamos no ser belo e quase olimpico, mas não permitimos ter esse entusiasmo (autorizado por Deus) compartilhado de forma plena.
    Parabéns aos participantes (atletas semi-deuses - Entusiasmo puro)...Parabéns aos organizadores...Parabéns a mundança dessa percepção de valor social (ainda que incipiente)...Pois teremos, um dia, vencedores por igualdade de valores humanos e não por suas diferenças.

    ResponderExcluir